Into the Self

Existem vários momentos na nossa vida nos quais somos confrontados com o nosso próprio ser.

A nossa existência parece um amontoado de questões sem qualquer resposta e apesar do nosso cérebro lutar incessantemente para obter alguma informação, esta, por mais significativa que seja, parece apenas uma partícula de pó na mesa de cabeceira.

Olhar para o vazio é a única possibilidade viável para a nossa mente pois processar uma solução parece uma tarefa destinada às almas malditas que foram enviadas para o Inferno.

Mas o Inferno não é um local para onde possamos ir, após perecer. Inferno é esta Terra e termos a sensação que as nossas mãos estão atadas contra as nossas costas frágeis. Inferno é esta Terra e vivermos na insignificância perante nós mesmos.

(Pergunta-me se sou feliz e eu digo-te que não.)

O problema não são as responsabilidades ou um trabalho. Mas esta sociedade decrépita. As expectativas ridículas. A completa dissolução da essência de um ser.

Olhar para o vazio é a única solução. Para uma alma que ama. Para um corpo que quer existir plenamente. Ou, pelo menos, parece uma resposta para o sentimento avassalador do momento.

(Pergunta-me se sou feliz e eu digo-te que é essa a minha luta, todos os dias.)

Mas se olhar para o meu interior… Meu Deus! Que raio vou eu encontrar? Para além do que já descobri… (E que me aterroriza para além do que alguém possa imaginar.)

Olhar para o vazio parece a única opção. Tudo o resto são demónios. Desertos. Sangue. Lágrimas. Dor. E às vezes, nada. Tão insuportável como… Demónios. Desertos. Sangue. Lágrimas. Dor.

Como posso enfrentar o que tenho dentro de mim? Que me destrói a mente e me polui a alma?

Olhar para o vazio. É a única escolha que consigo fazer, neste momento.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s